A Indústria Aeronáutica Brasileira

No dia 17 de outubro comemora-se o dia da indústria aeronáutica no Brasil, celebrando o voo inaugural do bi plano Muniz M-7 em 1935. Este modelo monomotor foi projetado por António Guedes Muniz e desenvolvido em Campo dos Afonsos (RJ), sendo que foram construídas 27 unidades deste modelo.

Avião AntigoFonte: guilhermegerold

A indústria aeronáutica brasileira demorou para “decolar”, pois embora a Empresa Brasileira de Aeronáutica (EMBRAER) tenha sido criada em 1969, em São José dos Campos (SP), apenas nos últimos 20 anos mostrou avanços significativos.

Com o grande crescimento dessa indústria a nível internacional, ela está conquistando maior espaço no Brasil, onde a Embraer, por exemplo, atua em todas as etapas de um processo complexo, desde o projeto, desenvolvimento, fabricação e venda até o suporte pós-venda. As aeronaves brasileiras são comercializadas para segmentos comerciais, executivos, de defesa e segurança.

Avião EmbraerFonte: embraerexecutivejets

A nível mundial destacam-se as empresas Boeing (Estados Unidos), Airbus (Alemanha, França, Inglaterra e Espanha) e Bombardier (Canadá). A Embraer, embora não tão conhecida, está em amplo crescimento e já se instalou em algumas partes do mundo, conforme imagem abaixo.

world-map

Fonte: embraer

A Embraer já é dona de aproximadamente 76% das unidades de jatos comercializadas. Com o KC-390, a empresa brasileira pretende produzir o maior avião da América Latina, tendo uma envergadura de 35 metros, comprimento de quase 34 metros e altura de um pouco mais que 10 metros.  Será possível transportar até 23 toneladas de carga a uma velocidade de aproximadamente 900 km/h. Para isso estão sendo investidos 2 bilhões de dólares.

KC-390

Fonte: G1.Globo

Conheça um pouco mais sobre a história da Embraer:
http://www.centrohistoricoembraer.com.br/sites/timeline/pt-BR/Paginas/default.aspx

Saiba de forma geral como uma aeronave é fabricada:
http://www1.embraer.com.br/hotsites/tour_virtual/portugues/hotsite.asp

Aproveite o aquecimento deste mercado e se especialize para trabalhar no ramo aeronáutico, tanto nas empresas fabricantes, como em fornecedores do setor.

Para atuar com projetos, por exemplo, além de uma formação em engenharia, você deve aprender a usar diversos softwares CAD/CAE, como por exemplo, Catia, SolidWorks, Unigraphics, Ansys, entre outros.

Já para atuar em processos produtivos, qualidade e até mesmo materiais, além da formação em engenharia, você deve possuir habilidades e conhecimento em máquinas, sistemas de qualidade internacional e profundo conhecimento na área de materiais, principalmente no que diz respeito à relação entre propriedades e desempenho em serviço.

Comece a se preparar para esse mercado agora mesmo, com os cursos da Render, os quais contribuem para o modelamento e simulação de aeronaves e peças para indústria aeronáutica. Confira:

Cursos de SolidWorks

Cursos de Inventor

Curso de Catia

Abaixo imagem de um modelo de aeronave modelado no software SolidWorks.

Avião SolidWorks
Autores:
Aislan Rosa
Rosenilda Rodrigues de Souza

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar Menu