A Evolução do Livro

Inicialmente, as histórias eram marcadas em paredes, folhas de palmeiras, tijolos de barro, tábuas de madeira. A primeira inovação foi o papiro, que tinha como matéria-prima uma planta, a qual era encontrada na margem do rio Nilo. O papiro foi substituído pelo pergaminho, pois o mesmo se desmanchava rapidamente devido a umidade e, também, pegava fogo facilmente, ou seja, era muito frágil. O pergaminho, por sua vez, era feito de pele de animais e, por conta disso, tornava a escrita mais fácil e a durabilidade do material era maior.

pergaminho-rpg1

Pergaminho.

PapiroHarrisrRamesseIII

Papiro.

 

 

 

 

 

 

 

No século II, a partir do córtex de plantas, tecidos velhos e fragmentos de rede de pesca, os chineses inventaram o papel, o qual até hoje é conhecido como suporte de conhecimento e portador de ensinamentos. Continue lendo

Restaurando o Desejo pela Leitura e Aprendizado

Foi no ano de 1971 que os livros e documentos começaram a se submeter ao início da tecnologia. Michael S. Hart foi o pioneiro nesta tecnologia, digitalizando a declaração de independência dos Estados Unidos. Desde então a evolução dos livros em meio digital está crescendo e se desenvolvendo cada vez mais a partir de empresas que pretendem fazer resurgir o gosto por leitura nos cidadãos de todo o mundo.

Em 2007 a loja virtual Americana Amazon lançou o Kindle, uma plataforma parecida atualmente com um tablet, que armazenava os livros virtuais, mais conhecidos como e-books, e isso foi uma grande febre no Mercado exterior. Desde então vieram aperfeiçoando mais e mais esta plataforma, e atualmente a mesma se encontra em sua Terceira edição, menor, mais sofisticada, porém com a mesma função.

Ao perceber um Mercado com muita chance de exploração, a empresa Americana Apple optou por criar algo muito parecido com o Kindle, porém agora além de você poder armazenar seus livros você pode cria-los e vendê-los e ou oferecê-los gratutitamente. Essa plataforma é o IPAD que também hoje se encontra em sua Terceira edição. Para a criação de um e-book a Apple oferece um software gratuito que possibilita a inserção de vídeos, fotos, questionários, galeria de fotos e muito mais, deixando os e-books mais interativos aos usuários, outra forma que foi encontrada para a tentativa de resurgimento do hábito de leitura. Continue lendo

AutoCAD para Mac users de graça!

Sim! É isso mesmo! A AutoDesk Inc, lançou há pouco tempo uma versão de AutoCAD para MAC. Imagine então, um dos softwares mais utilizados por engenheiros, arquitetos e artistas digitais, agora disponível em versão para usuários do sistema operacional da Apple. É, e não para por aí! Além dessa novidade incluíram também uma licença gratuita do software para estudantes que utilizam a plataforma MAC OS, por 3 anos (também disponível nas versões para Windows). É claro que há restrições, como por exemplo a exibição de marcas d’água na tela, mas é uma oportunidade incrível para o aprendizado de estudantes da área, já que uma licença profissional do software custa em torno de 2mil dólares.

Continue lendo

IPad ganha novo Photoshop

Photoshop Express agora no Ipad

O tablet da Apple ganhou a versão móvel do Photoshop, um dos programas mais usados para edição de imagens.

Não espere muitas funções como encontradas nas versões para desktop nesta versão para o tablete, ainda mais por se tratar de uma versão gratuita, tende a ter várias limitações em suas ferramentas, mas dentre as funcionalidades desta versão estão: recortar, girar, ajustar nível de cores, aplicações de filtros, aplicação de efeitos e bordas em imagens e fotografias.

Continue lendo

Mac mini, nem tão mini assim!

Apesar do novo Mac mini ter quase a metade do tamanho do modelo anterior, medindo esbeltos 19,7 x 19,7 por apenas 3,6 cm de altura, seus recursos de hardware são bem interessantes para quem necessita trabalhar diariamente com internet, pequenas edições de fotos, vídeos, artes gráficas, e diversos outros tipos de tarefas.

Continue lendo