ZBrush: Projeto Mar Sem Fim conscientiza sobre a poluição do plástico


Artista Felipe Mayer de Notan Studio com sede em São Paulo, Brasil recentemente compartilhou um projeto atraente. O artista brasileiro ajudou a criar um visual deslumbrante para a organização Mar Sem Fim para conscientizar sobre o aumento da poluição do plástico que está prejudicando a vida marinha nos oceanos do nosso planeta. Felipe teve a gentileza de compartilhar os detalhes de seu projeto e nos contar um pouco sobre sua arte e como o ZBrush causou impacto.

Olá Felipe, obrigado por compartilhar seu trabalho recente. Parece incrível! Como você começou no 3D?

Comecei minha carreira há quase 10 anos, quando era um diretor de arte tentando melhorar alguns visuais importantes com ideias malucas. Comecei a estudar ilustração 3D para resolver algumas daquelas peças que criei antigamente. O 3D me pegou totalmente e concentrei meus esforços em expandir meus conhecimentos fazendo alguns cursos relacionados à área, da escultura tradicional à animação (que descobri que não era para mim). ZBrush sempre foi uma fonte de inspiração para mim. Lembro-me de estar apaixonado pelo projeto No More Wine de Simon Blanc. Foi um dos primeiros contatos que tive com o software e quando descobri que existia uma ferramenta tão intuitiva para modelagem orgânica, ficou claro para mim que deveria mergulhar e aprender alguns truques deste programa. Essa fonte de inspiração e todas as coisas boas produzidas por incríveis artistas do ZBrush nunca deixaram de me impactar, e vamos enfrentá-lo, ZBrush está sempre envolvido nos projetos mais legais da indústria.

Conte-nos sobre o projeto Endless Sea

Mar Sem Fim” É atualmente um portal digital que abriga todo o material produzido pelo João Lara Mesquita, músico, jornalista e fotógrafo apaixonado por todos os assuntos relacionados com o meio marinho. Membro fundador de uma ONG ligada à Fundação SOS Mata Atlântica, que desde 1990 atua na despoluição. É autor de uma série de 90 documentários que foram veiculados por dois anos em canais de TV pública aqui no Brasil. Desde 2015 é diagnosticado com um tipo raro de cancro que o impede de navegar, mas não de continuar a sua luta articulando movimentos vencedores a favor do meio marinho, como é o caso da campanha que tive o prazer de contribuir. Procuramos uma forma de representar visualmente o impacto do plástico na vida marinha, os canudos de plástico são apenas uma porta de entrada para esta questão, é uma loucura pensar que um objeto tão pequeno e dispensável que é usado em volumes gigantes tenha um peso significativo impacto na saúde dos oceanos. Segundo o Fórum Econômico Mundial, existem 150 milhões de toneladas de plástico nos oceanos e se continuarmos nesse ritmo em 2050 teremos mais plástico do que peixes nos mares.

Como o ZBrush desempenhou um papel em dar vida a este projeto?

ZBrush foi uma ferramenta fundamental para fazermos esta ilustração, primeiro usando a ferramenta transparente e formas simples modeladas com DynaMesh, pudemos bloquear as formas principais do peixe com facilidade. Em seguida, determinamos alguns loops, separando-os em diferentes Polygroups para poder usar o ZRemesher de forma mais eficiente. Com essa base pronta, geralmente envio o modelo para o modo onde faço alguns ajustes na malha, se necessário, e marco as costuras UV. Eu então volto ao ZBrush e com o plugin UV Master abro os UVs. Na minha opinião a malha fica muito bem relaxada com essa ferramenta, tão útil! Então eu só volto ao modo para organizar os UVs. Com o Spotlight e algumas fotos, projeto uma base para modelar os detalhes e pinto as texturas, que são então aprimoradas manualmente no ZBrush e no Photoshop respectivamente. Nesta fase, tenho o peixe com as texturas prontas e os materiais testados através de algumas renderizações de pré-visualização. Depois disso, eu volto para o ZBrush com as malhas de baixa resolução para que todos os peixes possam ser moldados para formar um copo, usando as ferramentas básicas de transposição.

É isso! Espero que tenham gostado do resultado final e que este tema se torne mais relevante no nosso dia a dia, o projeto completo está disponível em Behance. Não posso deixar de citar que a Young & Rubican Brasil foi a agência que nos convidou aqui do Notan Studio para criar essas imagens e que criei com a ajuda de toda a equipe e do Raphael Perroni que nos ajudou modelando uma base para o polvo.

Aprenda mais sobre ZBrush:

https://www.render.com.br/cursos/zbrush

Artigo escrito por: Michael Nisbet

Compartilhe e curta!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.