Como Medir a Indutância das Bobinas

O valor da indutância apresentada em um circuito depende de muitos fatores, como por exemplo: comprimento e disposição dos condutores.

O valor da indutância de uma bobina é determinado pelo tamanho e formato da mesma, número de espiras e o material de que é feito o núcleo. O espaçamento entre as espiras da bobina também influi no valor da indutância.

A fórmula que permite calcular a indutância de uma bobina é:

formula 1

Onde:
L: indutância, em henry (H).
N: quantidade de espiras (número puro).
µ: (lê-se “mi”) permeabilidade do material do núcleo (número puro).
l: comprimento da bobina, em milímetros (mm).
A: área da espira, em milímetros quadrados (mm²).
1,26 e (10)^7 são constantes.

Entretanto, em bobinas com núcleo de ferro, o valor exato da permeabilidade do material magnético é difícil de determinar, devido aos tratamentos aplicados ao material. Na prática, é melhor medir a indutância com um medidor apropriado (indutímetro, ressonímetro ou medidor de campo), porém, a fórmula é útil para determinar a ordem de grandeza da indutância da bobina.

multimetro-indutimetro

Multímetro – indutímetro

As bobinas de uma camada com núcleo de ar são construídas com as espiras enroladas lado a lado, sobre um tubo de material não magnético.

Quando as espiras são colocadas muito próximas umas das outras, é preciso isolá-las com verniz ou esmalte para evitar curtos-circuitos.

bobinas

Bobinas

 O cálculo da indutância com núcleo de ar é feito através da fórmula:

formula 2

Onde:
L: indutância, em microhenry (µH).
a: raio da bobina, em milímetros (mm).
b: comprimento da bobina, em milímetros (mm).
N: número de espiras da bobina (número puro).

bobina-dimensionamento

Dimensionamento de bobina

 Os resultados obtidos através da fórmula apresentam erro menor que 1% nos casos em que o comprimento da bobina é maior que o triplo do tamanho do raio (b = 3a). Porém, quando o valor de “b” for igual ou menor que “a”, a precisão dos resultados será afetada, porém permanecerá dentro de níveis razoáveis.

Também podemos utilizar programas para calcular o valor de uma bobina. Acessando: http://www.eck-projeto-eletronico.com.br/bobina-ar/calculo_bobina_ar.php , podemos dimensionar vários indutores de forma muito fácil.

site-dimensionamento-bobinas

Dimensionamento de bobina

 Para obter mais conhecimentos na área de eletrônica, acesse a página dos Cursos da Render de Elétrica e Eletrônica.

 

Nelson Vicente Soares
_______________________________________
Técnico em Eletrônica e Analista de Sistemas

Este post tem 4 comentários

  1. como calcular o comprimento da bobina?

  2. Preciso calcular uma transformador toroidal de 14 cm com centro de 6 cm altura de 7 cm para gerar
    8 henrys sendo que o primario sera de 120 V qual seria a bobina do secundario que fechada em curto me daria
    esta indutancia

    a area da mesma e 14-6*7
    ¨¨¨¨¨¨¨
    2 = 28 CM2 A MESMA E PARA 784 W

  3. QUAL A FORMULA PARA CALCULAR INDUTANCIA EM TRANSFORMADOR TOROIDAL

  4. Tenho um indutor em uma placa inversor da frequência cujo único código no corpo do componente é: NEC TOKIN SBC36. Pesquisei na internet e não achei exatamente este código, mas um mais completo SBC3-6R8-392 em http://www.tokin.com/english/guide/powerinductor/pdf/pw-sbc-e.pdf. Será que o código resumido fecha com o código resumido do componente?

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar Menu