Como Utilizar o Transistor como Chaveador

Em muitas aplicações na eletrônica precisamos utilizar transistores em chaveamento, ou seja, sendo utilizados como chaves eletrônicas, bastando para isso polarizá-lo na região de corte ou saturação.

Quando um transistor está saturado ele opera como um curto (chave fechada), e quando está no corte opera como um circuito aberto (chave aberta). O transistor chaveado somente trabalhará com tensão contínua ou sinais.

A figura abaixo mostra o funcionamento de um lâmpada com uma chave. Ao acionar a chave a lâmpada acenderá e a tensão em VAB é igual a zero. Com o circuito aberto (chave desligada) a lâmpada apagará e VAB = VCC.

Transistor Chaveador 1 Continue lendo

Amplificadores Classe A

Amplificadores possuem uma forma de classificação feita de acordo com a variação do sinal de saída, havendo as classes A, AB, B e C, chamadas de classes de operação. Dentre estas classes, trataremos sobre os amplificadores classe A, onde o sinal de saída deve ser uma cópia exata do sinal amplificado à sua entrada.

Dizemos que um amplificador de sinais funciona em classe A quando todo o ciclo do sinal é amplificado.

Amplificador-classe-A

Amplificador classe A

Função dos componentes

Q1: transistor amplificador

R1 e RB: polarizam a base de Q1 com DC

RC: resistor de coletor

RE: resistor de emissor

CA1: capacitor de acoplamento → impede que a tensão de polarização (DC) da base (VB) chegue à bobina do microfone, o que provocaria a despolarização de Q1

CA2: capacitor de desacoplamento → impede que a tensão contínua do coletor vá para outros circuitos do aparelho

CE: capacitor de desacoplamento → faz com que o emissor de Q1 fique ligado ao outro terminal do microfone, pois Q1 está ligado na configuração emissor comum que tem o sinal de entrada entre a base e o emissor, e o sinal de saída entre o emissor e o coletor. Continue lendo