O segredo de uma apresentação de qualidade

No desenvolvimento de produtos, a utilização de uma metodologia de design é indispensável e, apesar do design não se referir apenas a desenhos e qualquer outro tipo de representação gráfica, o desenho é uma ferramenta essencial para a comunicação de ideias no processo de design como também do desenvolvimento de outros tipos de projetos, como na arquitetura.

Existem vários processos e técnicas que auxiliam profissionais dessas áreas na comunicação de suas ideias, que podem ser tanto à mão livre (sketches, mock-ups e renderings manuais), quanto realizadas com o auxílio de computadores (ilustrações vetoriais, modelos 3D e renderings digitais). O uso de cada um deles deve se adequar à cada fase do projeto.

renderings

Por isso, é essencial que tenha o domínio de um processo de representação que lhe dê suporte durante a etapa de criação, que em geral está ligado à ação de desenhar. Em momentos em que há a discussão de ideias e definição de alterações, os profissionais precisam a todo o momento mostrar por meio de desenhos a próprio punho suas propostas.

original_561169_iHNhnNjUg9dWQFYSRT87Zzt2r

O desenho manual, embora muitos já tenham dito que seria totalmente substituído pelas técnicas de representações digitais, tem sido muito valorizado no meio do design e, além de valorizado, tem-se a preocupação constante de aprimorá-lo através de estudo e treino.

É muito importante gerar boas apresentações das ideias de um projeto, pois constantemente a aprovação de propostas apresentadas é diretamente influenciada pela qualidade da apresentação feita, pois ela tem o poder de emocionar, fazer com que quem a vê se apaixone pelo projeto. Portanto, é de extrema importância que os renderings apresentados sejam de alta qualidade, os quais podem ser confeccionados tanto manual quanto digitalmente, ou ainda podem resultar da combinação das duas técnicas.

Independente de qual for a escolha para apresentar as ideias, os pontos que definem o que é e o que não é uma apresentação de alta qualidade são os mesmos. Ao criar a representação de um projeto, inicialmente devemos escolher meticulosamente qual a melhor perspectiva, ou seja, uma perspectiva que valorize o projeto e ao mesmo tempo mostre seus detalhes e funcionalidades. Nada impede de usar mais de uma perspectiva em uma apresentação, mas devemos lembrar que não é quantidade que irá valorizar o projeto, mas sim a qualidade representativa e estética dela.

Outro ponto importante é a escolha e representação corretas de materiais, cores, luz e sombra. Esses são fatores diretamente relacionados com nossos cinco sentidos, pois irão estimular sensações e sentimentos, e tem o poder de tornar o projeto mais realista e convincente.

561169_2krhogleujmqoukyazbd_dsog

Para criar uma renderização digital, pode-se utilizar vários softwares como ferramenta, tal como o Photoshop, para realizar um render digital baseado em um desenho 2D, além de tratar também as imagens de renderings feitos em softwares de renderização de objetos 3D.

A Render disponibiliza diversos cursos que podem lhe auxiliar na criação de renderings digitais:

 

Referências:

Convergências – http://convergencias.esart.ipcb.pt/artigo/88

STRAUB, Ericson et al. ABC do rendering. Curitiba, PR: Infolio Editorial, 2004.

 

Referências de imagens:

B.blend – http://www.bblend.com.br/

Convergências – http://convergencias.esart.ipcb.pt/artigo/88

Coroflot – http://www.coroflot.com/corybloor/Nike-Formal

http://www.coroflot.com/Nuare/Lines-ring#keyword=ring&sort_by=5&page_number=2

Wook Mark – http://www.wookmark.com/image/102334/lincoln-mkf-concept-car-body-design

Related Posts with Thumbnails

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *