Autodesk Raytracer para 3ds Max

Você já ouviu falar do novo renderizador Raytracer da Autodesk para o 3ds Max? O Autodesk Raytracer, ou o renderizador ART, é uma nova produção da Autodesk para o 3ds Max 2016. Se trata de um renderizador inspirado na física, através de uma técnica que tenta simular a realidade, aproveitando princípios da ciência para modelar a interação de superfícies e luzes. Com isso, é menos trabalhoso conseguir bons resultados para as renderizações.

https://beta.autodesk.com/project/home.html?cap=%7b1D3EA46E-5A7F-4E9C-9493-F48E07794927%7d

https://beta.autodesk.com/project/home.html?cap=%7b1D3EA46E-5A7F-4E9C-9493-F48E07794927%7d

Essa tecnologia já está disponível em outras plataformas da Autodesk, como o Revit, AutoCAD e Showcase. E agora ela está disponível na versão beta para o 3ds Max.

O ART para 3ds Max permite renderizar tanto imagens estáticas quanto animações, localmente ou pela nuvem. Isto mesmo, o ART também permite realizar renderizações pela nuvem, diferente do renderizador A360, que foi lançado junto com o 3ds Max 2016, que só permite renderizações estáticas.

Como ainda está em sua versão Beta, ou seja, ainda está em desenvolvimento, por enquanto o ART está inteiramente de graça e pode ser baixado pelo site da Autodesk Community, tanto para o 3ds Max 2016 comercial quanto a versão trial. Porém, ele tem suas limitações por estar em fase de desenvolvimento, então algumas falhas ainda podem ser encontradas. Vários mapas do Standard, por exemplo, não são renderizados corretamente, e podemos também verificar falhas em alguns materiais do Mental Ray quando renderizados em baixa qualidade. Tirando estes detalhes, é possível atingir ótimos resultados.

Assim como alguns renderizadores adotam, o ART tem o processo de renderização por qualidade, por um tempo determinado, ou indeterminadamente, o que faz com que ele tente atingir uma qualidade sempre maior.

Veja alguns resultados comparados ao Mental Ray:

Mental Ray:

mr1

ART:

1

Observe que o degradê do fundo não funciona corretamente, mas conseguimos resultados ótimos no restante, como, por exemplo no material de madeira, do vidro e o reflexo no chão.

Mental Ray:

mr2

ART:

2

Veja como temos uma iluminação muito interessante para a renderização no ART, mas a água não fica muito realista.

Apesar de apresentar algumas falhas, devemos levar em consideração que o sistema ainda está em testes, mas que, mesmo assim, conseguimos resultados deslumbrantes.

Não deixe de conferir o ART agora mesmo em seu 3ds Max 2016, e testar os resultados com os projetos dos cursos da render:

http://www.render.com.br/cursos/3ds-max

Related Posts with Thumbnails

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *